Os 28 ouro e prata da primeira edição do Brut Experience 2018

Os resultados do Brut Experience 2018, o primeiro Concurso Internacional de Espumantes, que decorreu no passado dia 30 de Maio, foram anunciados hoje no Lisbon Marriott Hotel, em Lisboa, no decorrer do evento com o mesmo nome, que reuniu mais de duas dezenas de produtores de espumantes portugueses e internacionais e uma mostra de iguarias, companhias perfeitas para esta bebida, como ostras, patés e chocolates.

De entre os 96 espumantes Brutos e Brutos Naturais presentes a concurso, o júri, constituído por jornalistas, bloggers, enólogos, escanções e comerciantes de vinhos portugueses e de outros países europeus, selecionou 28 vencedores, galardoados com Medalhas de Ouro e Prata, nas categorias Jovem, Reserva, Super Reserva e Grande Reserva. “Este ano não foram atribuídas medalhas de Prestígio, alcançáveis para espumantes com 95 pontos ou mais, em 100 na competição, apesar de algumas marcas terem andado no limiar deste patamar”, destacaram os organizadores, José Miguel Dentinho (jornalista e experimentado provador de vinhos) e Luís Gradíssimo (empreendor, formador e fundador da marca Enóphilo).

No concurso Brut Experience 2018, onde são apenas atribuídas medalhas a 30% dos vinhos em competição, estiveram presentes espumantes oriundos das regiões portuguesas dos Vinhos Verdes, Douro, Távora-Varosa, Dão, Bairrada, Tejo, Lisboa, Península de Setúbal, Alentejo e Madeira, França e Alemanha. Entre as distinções Ouro, o destaque vai para a Bairrada, que conquistou sete Medalhas com os espumantes: Kompassus Blanc des Noirs Bruto Super Reserva 2014 (Kompassus Vinhos); Luiz Costa branco Bruto Super Reserva 2015 (Caves São João); Regateiro branco Bruto Super Reserva (Lusovini); Hibernus Premier branco Bruto 2016 (Maria do Rosário Reis Tiago Carvalheira); Marquês de Marialva branco Extra Bruto Cuvée Grande Reserva (Adega de Cantanhede); Joaquim Arnaud branco Bruto Super Reserva 2014 (Joaquim Arnaud); e Aplauso branco Bruto Reserva (Lusovini). A região dos Vinhos Verdes recebeu três distinções Ouro – Dom Ferro branco Bruto Super Reserva 2007 (Quinta do Ferro), Muralhas de Monção branco Bruto Reserva (Adega Cooperativa e Regional de Monção) e Quinta da Calçada Colheita Imperial branco Bruto Reserva (Agrimota), o mesmo tendo acontecido com a região de Lisboa, onde se destacaram os espumantes Quinta do Rol rosé Bruto Grande Reserva (Quinta do Rol), Quinta da Romeira branco Bruto Reserva e Quinta da Romeira branco Brut Nature Reserva (WineVentures).

Organizado pela Enóphilo, marca com histórico na organização de eventos vínicos de nicho (como o Enóphilo Wine Fest, em Lisboa, Porto e Coimbra), Brut Experience é uma experiência feita de vários momentos, um conceito que integra um evento de espumantes com um concurso internacional de espumantes. Segundo a organização, “o Brut Experience pretende distinguir e dar a conhecer, aos consumidores, os melhores espumantes nacionais e internacionais, estimular a produção de espumantes de qualidade e contribuir para a expansão da cultura do espumante”, acrescentando que o regresso para 2019 está “garantido!”.

PAINEL DE JURADOS BRUT EXPERIENCE 2018

Agostinho Peixoto; Antonina Barbosa; Arlindo Santos; António Mendes Nunes; Bruno Antunes; Fernando Melo; Gabriela Marques; Helena Pereira-Muele; Janna Rijpma-Meppelink; João Barbosa; José Carvalheira; José Domingues; José Manuel Moroso; José Silva; Manuel Moreira; Marco Moreira da Silva; Nuno Martins Silva; Salvador Manjón; Sérgio Antunes; Vasco Penha Garcia e Valéria Zeferino.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s